Nokia do Brasil: latência será vendida como serviço no 5G

Ao participar do Fórum de Tecnologia e Inovação Oi, realizado nesta segunda-feira, 11 de dezembro, no Rio de Janeiro, o CTO da Nokia do Brasil, Wilson Cardoso, afirmou que, com o 5G, a latência será vendida como serviço e essa oferta exigirá uma guinada efetiva na arquitetura de rede. Cardoso também decretou o fim da era dos grandes datacenters.


Compartilhe!

Comentários no Facebook